24 de outubro de 2013

Marcelo Goiano: «Sp. Braga? Importantíssimo trazer os 3 pontos»

Lateral faz antevisão da partida de abertura da oitava jornada

Marcelo Goiano espera um desafio de monta esta sexta-feira, diante do Sp. Braga, mas rejeita o «discurso do pontinho». Para o lateral direito da Académica, que até pode ser opção do lado oposto face ao castigo de Djvan, a prioridade só pode ser uma.

«Encaramos o jogo da melhor maneira, trata-se de um adversário que luta pela Liga Europa, e, por isso, vai ser um jogo ainda mais difícil. Esperamos fazer um bom trabalho e trazer um bom resultado. Empate? A Académica nunca pensa em entrar para empatar, senão fica-se mais perto da derrota. Vamos entrar para ganhar», assegurou esta quarta-feira, em conferência de Imprensa.

Os estudantes ainda não venceram no Estádio AXA, pelo que esta será mais uma oportunidade de quebrar a tradição. «No Brasil há um ditado que diz: Tabu é para ser quebrado, esperamos, por isso, quebrar esse tabu. Seria importantíssimo para a nossa caminhada trazer os três pontos», retorquiu, assegurando que a equipa está melhor depois de ter ultrapassado o Belenenses na Taça de Portugal:

«O grupo está tranquilo. Passar deu moral e confiança, estamos preparados para este jogo com o Braga. Vencer é sempre bom, ainda para mais quando se vem de uma sequência negativa. Foi bom ganhar ao Belenenses.»

Pronto para atuar do lado oposto em que joga habitualmente, até porque passou grande parte a jogar assim na última época no Feirense, Marcelo voltou a ter a preferência de Sérgio Conceição depois do episódio da expulsão ante o Sporting: «São coisas que acontecem. Fui expulso, o João Dias esteve bem, e agora apareceu a oportunidade novamente. Estou a tentar agarrá-la da melhor maneira possível.»

Da preparação da equipa, destaque para o facto de o técnico ter quase todo o plantel à disposição. Djavan está castigado e é baixa certa, já Ivanildo trabalha de forma condicionada e deverá também falhar a partida de abertura da oitava jornada da Liga.

Esta quarta-feira, Makelele fez companhia ao extremo português e também trabalhou de forma limitada, estando em dúvida para o encontro.

in maisfutebol

Sem comentários:

Publicar um comentário